domingo, 2 de dezembro de 2012

Os Penetras


O que é mais triste de se constatar ao final da sessão de Os Penetras é que, em meio a uma leva de comédias brasileiras populares e de extremo mal gosto, um nome como Andrucha Waddington (EuTuEles e Casa de Areia) no comando de um projeto do gênero poderia fazer a diferença. Os Penetras é tão rasteiro quanto os demais produtos da Globo Filmes e aproveita muito pouco a potencialidade de Marcelo Adnet e Eduardo Sterblitch na comédia. A história é banal, o personagem de Adnet vive de aplicar golpes e conhece um jovem ingênuo e sem o menor juízo, vivido por Sterblitch, que acaba se juntando a ele. Até aí tudo bem porque em muitos casos das histórias mais banais podem surgir os filmes mais interessantes, mas Os Penetras não se esforça em buscar um diferencial e investe em dramas que não consegue sustentar e nem cabem nessa proposta. Óbvio que as melhores comédias surgem justamente da humanização de seus protagonistas e não simplesmente de narrar piadas e situações engraçadas ao léu, mas aqui esse percurso é seguido com pouquíssima fluidez.


Os Penetras, 2012. Dir.: Andrucha Waddington. Roteiro: Andrucha Waddington. Elenco: Marcelo Adnet, Eduardi Sterblitch, Mariana Ximenes, Stepan Nercessian, Luis Gustavo, Susana Vieira, Andrea Beltrão, Babu Santana. 90 min. Warner.

Nenhum comentário: