quinta-feira, 13 de junho de 2013

Drops: Além da Escuridão - Star Trek

É de uma ignorância abismal a relutância de um grupo radicalmente acadêmico de cinéfilos em não enxergar os esforços de cineastas como Christopher Nolan e J.J. Abrams que, tal qual Steven Spielberg nas décadas de 1980 e 1990, com suas tentativas de conferir um mínimo de frescor em filmes inseridos no contexto industrial. Além da Escuridão - Star Trek segue essa tradição louvável de fazer entretenimento (sim, porque é entretenimento e não há vergonha nenhuma nisso, é preciso que deixemos de encarar a denominação como uma espécie de cólera no universo intocável da sétima arte). Um entretenimento que não ofende nossa inteligência, percepção e repertório cinematográfico. Personagens consistentes, trama cerebral, emoções bem desenvolvidas e ação de qualidade, ingredientes notáveis que Abrams sabe conduzir como ninguém aqui. Zachary Quinto, como Spok, e Chris Pine, o Capitão Kirk, competentíssimos, demonstram eficiência, domínio de seus personagens e sinergia em cena. Mas é claro que Benedict Cumberbatch é hipnótico com o intrigante Khan, vilão desse novo episódio da série. Elevando Star Trek a um outro patamar, Khan é daqueles psicopatas extremistas que colocam a vida dos protagonistas do avesso, testando seus limites emocionais e éticos (sobretudo o controlado Spok). Confesso que preferia o final trágico que Além da Escuridão chega a sugerir, mas acho que macularia um mito que os fãs da série cultivam, então que essa pontinha de desapontamento fique no meu singelo desejo de espectador que começa a simpatizar com esse universo somente agora. 
 
 
Star Trek into Darkness, 2013. Dir.: J.J. Abrams. Roteiro: Damon Lindelof, Alex Kurtzman e Roberto Orci. Elenco: Chris Pine, Zachary Quinto, Zoe Saldana, Benedict Cumberbatch, Karl Urban, Simon Pegg, Alice Eve, Bruce Greenwood, Peter Weller, Anton Yelchin, John Cho. 132 min. UIP.
 

Nenhum comentário: