sábado, 12 de março de 2016

(Drops) Meu Amigo Hindu


Em Meu Amigo Hindu, Hector Babenco interrompe um hiato de quase dez anos desde o seu último longa, O Passado com Gael Garcia Bernal, para contar uma história bastante pessoal. No filme, o cineasta revive uma das fases mais conturbadas da sua vida, quando enfrentou a morte de perto ao passar por um tratamento contra um câncer. No longa, Babenco conta para o espectador toda a sua jornada numa espécie de 8 1/2 do realizador, fazendo um inventário da sua própria vida e refletindo sobre suas realizações profissionais e seu papel como colega de trabalho, amigo e marido. Babenco traz como balizador dessa jornada a amizade que o seu protagonista começa a estabelecer com um garoto hindu que conhece nas sessões de quimioterapia e que passava pelo mesmo problema de saúde que ele.

Fazendo as vezes de Babenco encontramos o ator norte-americano Willem Dafoe, muito interessante e entregue em cena. Há um desfile de rostos conhecidos no Brasil ao longo da projeção do filme, como Maitê Proença, Dan Stulbach, Dalton Vigh, Ary Fontoura etc. , mas talvez as presenças mais importantes e de maior destaque ao longo da fita sejam as de Maria Fernanda Cândido, que vive Lívia, a primeira esposa do diretor, Reynaldo Gianecchini, intérprete de um médico que vem a ser Dráuzio Varella fora das telas, Selton Mello como a morte, e Bárbara Paz, atual esposa do cineasta, vivendo ela mesma no longa. Há, por parte do Babenco, uma iniciativa sincera de revelar o que existe de mais nobre, questionável e até mesmo repulsivo em seus sentimentos, pensamentos e posicionamentos diante da vida e daqueles que estão ao seu redor.  O filme é um pouco hermético, mas tem seus bons momentos e, se o espectador realmente se dedicar a experiência de contemplá-lo entendendo-o como um delírio visual e filosófico sobre a existência, ou seja, como uma obra repleta de metáforas, pode render interessantes leituras pessoais e um saldo bastante positivo após a sessão.


My friend Hindu, 2016. Dir.: Hector Babenco. Roteiro: Hector Babenco. Elenco: Willem Dafoe, Maria Fernanda Cândido, Selton Mello, Reynaldo Gianecchini, Bárbara Paz, Guilherme Weber, Dan Stulbach, Tuna Dwek, Maitê Proença, Tania Khallil, Dalton Vigh, Ary Fontoura. Europa Filmes, 124 min.

Assista ao trailer:

Nenhum comentário: